bogota

Última parada: Bogotá

Posted on

Como toda cidade grande… agitada, cheias de coisas para fazer, badalada… e muito fria.

Antes de ir não acreditei na previsão do tempo e nem no que as pessoas me falavam! A minha mala era basicamente biquíni, shorts, calça legging e 1 casaco (que usei no avião). Quando cheguei em Bogotá… além de quase morrer de frio… eu não tinha NADA para combinar… e para sair.

Ah, no primeiro dia que chegamos (plena 6ª feira), nas ruas só tinha gente de salto alto e casaco de couro… logo pensei: “me ferrei!!”. Mas nada que uma rua, cheia de lojas internacionais não resolveram meus problemas: 1 bota na Forever 21, 1 casaco e 2 blusas na Pull & Bear! (até que fui bem contida).

Panoramic view of Bogota, Colombia

Primeiro dia (sábado) aproveitamos para ir na Catedral de Sal (que fica em uma cidade há 1 hora de Bogotá). O lugar é maravilhoso. É uma antiga mina de sal… que agora virou uma igreja. Uma das coisas mais lindas que já vi em toda minha vida… e todo o jogo de luzes que eles montaram… com a guia acompanhando nosso tour, faz a visita ficar muito mais emocionante.

IMG_20141129_134908

De lá, paramos para almoçar no Andres Carne de Res em Chia. Uma DELICIA!!!! Imperdivel. Obs: dizem que a noite é mais divertido porque rola uma baladinha brega… mas, quisemos economizar em taxi (porque é longe).

20141129_133746

Voltamos para Bogotá e acabamos na Zona T de novo!! Lojas e mais lojas! Ah… e lá encontrei meu japa preferido rs… o Claudinho!!!! Ele trabalhou comigo na Nextel… e claro que hoje em dia somos muito amigos… e até lá essa praga me persegue rs (ele estava a trabalho… sem querer… e claro que adorei encontrar com ele).

IMG_20141129_205122

A noite, adivinha?? Mais reggaeton!! Mas dessa vez eu senti firmeza no lugar. Chamava “El Fabuloso”… uma balada no topo de um prédio (de 3 andares rs). Com um ambiente muito agradável e gente da nossa idade (entre 25 e 30 anos). E as musicas?? Ahhhhh… nunca dancei tanto (acho que só quando estive em Buenos Aires em uma balada parecida rs). Vale muito a pena (ah… e não tem muito turista… e nem brasileiros. Aliás, uns brasileiros que conhecemos em Cartagena só indicaram balada eletrônica em Bogotá… como diria a minha amiga Lu “To fuera!!”)

Chegamos no hotel as 4am… e já disse que comigo não tem moleza… as 8am estávamos no taxi (só nosso corpo) para ir a Montserrat. O Claudinho ia encontrar com a gente lá. Chegando lá, nem tinha muita fila para subir. Lá em cima… o que é bonito é a vista… e tem no final um mercadinho (mas, íamos depois no Mercado de Usaquen, então nem comprei nada).

IMG_1997

Ah… segui a dica que me deram: subi de funicular… e desci de teleférico. Não sei se o contrario faz diferença… mas eu curti a ordem!

Saindo de lá fomos ao mercadinho de Usaquen. Usaquen é um bairro de Bogotá… então a feirinha fica meio espalhada em uns 4 quarteiroes. Eu fiquei andando por lá umas 2 horas. Depois, voltamos para o hotel, pegamos as malas…

IMG_1984

E assim… mais uma viagem acabou!!

Marcella Romani

Advertisements

10 dicas para quem quer ir (ou vai) para Colômbia

Posted on Updated on

Quer ir para Colômbia e não sabe por onde começar? Leia essas dicas e comece a planejar sua próxima viagem!!

  1. Acompanhe as promoções de passagens até Bogotá (no feriado do dia 20 de novembro, a Tam/Lan fez uma promoção incrível); e se reservar com antecedência, é possível encontrar voos a partir de 15 mil milhas! (eu sempre acompanho essas promoções no site Melhores Destinosmelhoresdestinos.com.br);
  2. Verifique os voos internos pela companhia low cost Viva Colombia (vivacolombia.co). As passagens chegam a ser a metade do preço da Copa Airlines e Avianca (só verifique os destinos que ela voa);
  3. Se for para Bogotá, leve roupas de frio – lá sempre é frio. E se quiser sair a noite… Capriche no visual (porque o pessoal lá se arruma muito): mulheres, salto; homens, camisa social;
  4. Em Bogotá, reserve um taxi para fazer a Catedral de Sal e depois ir comer no Andres Carne de Res – além de economizar no transporte, economiza no tempo também;
  5. Em Cartagena, fique em um hotel mais simples (será apenas para dormir). O dia inteiro você ficará nos passeios nas ilhas. Se quiser ficar dentro da muralha, provavelmente o hotel terá um cheiro de mofo. Fora da muralha estão os hotéis mais “moderninhos”. Se quiser dormir em alguma ilha, escolha a Cocoliso (o hotel é incrível);
  6. Em San Andres você tem 2 opcoes: ficar em um hotel 5 estrelas e aproveitar a estrutura que ele oferece. Ou ficar em um hotel mais barato (e sem estrutura) e aproveitar os passeios que a Ilha tem (são vários passeios de barco);
  7. San Andres: duty free a céu aberto. Entao aproveite para as comprinhas de eletrônicos, maquiagens, cosméticos, óculos, etc…
  8. Dinheiro: a melhor opção na Colômbia é sacar o dinheiro na hora. As casas de cambio geralmente pagam muito menos (não sei se é assim em outro lugares). Mesmo com o dólar alto, valeu mais a pena sacar do que trocar os R$ que eu levei para lá. Trocar dólar? Nem pensar! Mas lembre-se, faça as contas sempre antes de sacar… e antes de ir viajar, verifique com o seu banco quais são as taxas cobradas para saque internacional. E sempre saque o maior valor possível (para a taxa se dissolver em centavos);
  9. Outras cidades que eu teria ido (mas ainda vou voltar): Medellin (dizem que é uma cidade bem jovem, com baladas e considerada como uma das melhores cidades para viver na América Latina (Fonte: Exame); Providencia (uma ilha perto de San Andres. Dizem que é bem alternativa… mas que o mar de 7 cores é maravilhoso); Santa Marta (mais um destino de praia e perto do Parque Nacional Tayrona); Barranquilla (destino bom durante o Carnaval… dizem que é bem parecido com o nosso);
  10. .. e na hora das compras… NEGOCIE!!!! Todos os preços que te falam (os mercadinhos, passeios e taxi) é super hiper mega faturado!!! (porque tem gringo que paga ne?)

IMG_1997

Marcella Romani

Las colombinas: um roteiro de 12 dias na Colômbia!!

Posted on

IMG_20141120_084611E mais umas férias passaram… e eu aqui de volta para dar algumas dicas e contar algumas de nossas aventuras!! Como em outros posts, vou contar bem rápido como foram meus 12 dias na Colômbia… e depois eu escrevo um pouco mais sobre cada lugar… dicas importantes para quem vai viajar pra lá… e lugares que não fui, mas quero voltar!!

Primeiro, acho que é legal contar como foi que paramos nas praias da Colômbia. O plano A era ir para o Hawai com a Lu (uma das minhas amigas). Mas quando colocamos o plano no papel, vimos que era inviável pelo budget (só de passagem ia ser R$ 5 mil). Então resolvemos postergar um pouco as ilhas havaianas… e procurar um destino parecido… e mais “em conta”. Foi quando eu pensei em Cartagena (tinha muitas amigas que falavam de lá e tinha muita vontade de conhecer). No final, quando colocamos o plano B no papel, incluímos mais alguns lugares e o preço final ficou dentro que havíamos planejado (mais que a metade do preço do Hawai). A Bel resolveu ir nos 45 minutos do último tempo… estávamos em uma festa no Guarujá… até que eu tive uma grande ideia: Bel, porque você não vai para a Colômbia! E acho que foi uma das melhores ideias que já tivemos, né Lu? #abelfoipracolombia

Um resumo bem rápido do nosso roteiro:

Dia 1: SP-Bogota

Ficamos hospedadas no Ibis Museo (pelo preço e porque não pesquisamos nenhum hotel mais perto das zonas turísticas). Ia ser apenas 1 noite também (estava ótimo). Chegamos a noite já e morrendo de fome. Fomos ao restaurante na frente do hotel chamado Misia (uma delicia).

20141119_210047

Dia 2: Saímos para o aeroporto bem cedo rumo a Cartagena!!

Obs: os vôos internos fizemos com a Viva Colombia (é uma companhia low cost de lá). Muito bom… mas é aquele esquema Ryanair (respirou, pagou rs). Então, tem que tomar cuidado com o número de malas que contrata na hora de comprar a passagem (e lógico que nos demos mal… o peso excedeu… e tivemos que pagar mala a parte!!). Ah, e como todas as companhias low cost… os vôos atrasam muito!! O nosso atrasou porque estava com problema no motor!! =( MEDO!. Mas no final deu tudo certo!!

Assim que chegamos em Cartagena, fomos ao Hotel Capilla del Mar (fora das muralhas). Ficamos na piscina e depois fomos conhecer a praia (uma decepção!!! A praia é feia… e o mar escuro). Mas não desanimamos e fomos conhecer a cidade (dentro das muralhas) e aproveitamos para almoçar no Hard Rock (sim, eu tenho amigas chatas para comer que nem eu e queríamos comer hambúrguer!!).

IMG_20141120_192413

À noite nos enfiamos em um famoso passeio do “Chivas” (em um outro post comento sobre essa fria que nos metemos hahah)

Dia 3: Fomos logo cedo ao porto para ir para a 1º passeio que compramos: Isla del rosário y Playa Blanca (Baru). Paramos no meio do caminho para fazer snorkel e depois passamos o dia na Playa Blanca (um pouco de farofa… mas um lugar bem bonito). Voltamos no final do dia e fomos direto ao Café del Mar (é um bar super conhecido em Cartagena para ver o pôr do Sol). Aliás, quase perdemos o Sol porque ficamos entrando em todas as lojinhas (coisas de mulher ne)

IMG_1150

Dia 4: Mais um dia de passeio: Cocoliso Resort. É uma ilha particular que tem um hotel (que até é possível se hospedar, mas acho que não é muito divertido). Ficamos lá o dia todo, a praia é linda… a estrutura do hotel é ótima… fui atacada por um macaco rs (mas essa historia eu conto depois)… enfim, para mim, a melhor praia de Cartagena!! Chegamos no final do dia… e estávamos tão cansadas que só deu tempo de ir comer uma pizza no centrinho e “morrer” no hotel… ah detalhe, a Lu (minha amiga) teve a maior crise de labirintite do mundo!!! E além de tudo, achamos que íamos embora no dia seguinte… mas não! Tinhamos mais 1 dia em Cartagena!

DCIM102GOPRO

Dia 5: Resolvemos fazer mais um passeio: Isla del Encanto. Bem bonita, mas mais rústica. O mar não era tão bonito também. E acho que já estávamos cansadas de andar de barco, sol e piscina rs. Mas ficamos lá o dia todo… sem reclamar!!

DCIM104GOPRO

Dia 6: dia de ir para San Andres. Chegamos no Hotel… e descobrimos que era o único hotel 5 estrelas da cidade (isso foi uma sorte… porque não sabíamos). O Hotel era da rede Decameron e o nosso era o Isleno. Chegamos já no final do dia… então jantamos e fomos dar uma volta. San Andres é incrível: Duty Free a ceu aberto rs! É tudo sem imposto! Vale muito a pena comprar algumas coisas (perfume, óculos, maquiagem, etc).

Dia 7: aproveitamos o nosso hotel… e ficamos o dia todo na piscina, fizemos massagem e almoçamos no restaurante do lado (Island). Na frente do hotel tinha uma praia maravilhosa… mar azul… mas de novo… meio farofa… sem lugar para sentar… e mar com onda (eu não gosto rs). O jantar foi no Pastafari (apelidado por nós de Rastafari! Haha). Esse restaurante ficava em outro hotel da rede Decameron… o hotel não era bom, mas a comida era incrível!

IMG_1520

Dia 8: tour em toda ilha San Andres. Alugamos um carrinho de golf e demos uma volta na ilha. A ilha é tao pequena… que com o carrinho, sem parar, a volta se completa em 2 horas. Mas nós paramos na Piscinita (que é uma parte do mar com pedras e peixes – lindo demais). Paramos para visitar todos os hotéis da rede… mas nada demais! Almoçamos em um deles… e inclusive estava muito ruim!!! No meio do dia começou a chover muito. Isso foi ruim porque estragou um pouco o passeio. Voltamos mais cedo para o hotel para nos arrumarmos para o jantar. O jantar foi no Delfine… e chegamos de carrinho de golf também, mas foi o maior perrengue para chegar… porque estava chovendo… chegamos encharcadas!

DCIM105GOPRO

Dia 9: desistimos das praias e ficamos o dia todo na piscina. Na hora do almoço fomos ao restaurante Las Brujas – no Hotel Aquarium. Tirando que só tinha peixes e frutos do mar… estava muito bom rs (mas eu comi mesmo assim) e a vista era maravilhosa. A tarde ficamos um pouco nesse hotel tomando sol… e no mar!! O jantar foi no Rodeo – em outro hotel (Mar Azul). E a noite, o plano era ir para a balada Cocoloco... mas acabamos ficando no hotel curtindo uma musiquinha e aproveitando o “open bar” que tínhamos direito.

IMG_20141128_094900

Dia 10: Eu acordei cedinho para aproveitar as últimas horas de Sol. A Bel e a Lu aproveitaram as ultimas horas da cama do hotel rs. A tarde fomos para o aeroporto… rumo a Bogotá. Chegamos a noite… e fomos direto para a Zona T fazer compras (estava muito frio e eu não tinha levado muita roupa… e para sair a noite as pessoas são muito chiques lá. Tive que comprar uma bota e um casaco de couro).

Dia 11: Acordamos bem cedo e fomos a Catedral de Sal. Fica em uma cidade há 1 hora de Bogotá. E fizemos um esquema muito bom!! Fechamos o dia todo com um taxi (para ir até a Catedral e depois levar a gente no Andres Carne de Res para almoçar – foi 160 mil pesos). As duas partes do passeio foram incríveis (depois conto mais detalhes). A noite fomos al “El Fabuloso” com uns amigos que conhecíamos em Bogotá (a balada que queríamos… que tocava de tudo… inclusive musicas latinas).

IMG_1981

Dia 12: comigo não tem moleza… mesmo chegando as 4am no hotel… todas estavam de pé as 8am (só de corpo… a alma deixamos em algum lugar)… e fomos a Montserrat (o lugar que dá para ver (Bogotá inteiro). Ah, e tivemos companhia… porque encontrei o Claudinho (meu amigo de SP)… ele estava a trabalho com a chefe dele… então fomos todos juntos! De lá fomos para a feirinha de Usaquen (mercado de pulgas). E depois fomos direto para o aeroporto.

DCIM107GOPRO

E assim, mais uma viagem acabou… com vontade de “quero mais”!! (E na Colômbia tem muitos lugares para visitar).

DCIM107GOPRO